RAPIDINHAS SPFW – DIAS #4 e #5

Ufa! Acabou! Com os dois últimos dias de desfiles da SPFW observamos que as marcas lutam para sobreviver, colocando na passarela coleções mais verdadeiras ao DNA da marca e com um quê de venda certa. Com a concorrência de grifes internacionais, estilistas brasileiros não podem jogar para perder.

Um dos destaques mais visíveis dessa temporada é o investimento em roupas de festa. Um exemplo? Verão14 da Osklen que tem peças em zibeline, seda e organza.

VITORINO CAMPOS

Austera e minimalista, a coleção de Vitorino Campos também foi mostrada fora de Bienal, em formato vídeo — dirigido por André Schiliró.

Com trilha sonora de Kate Bush, a apresentação se mostra estruturada na parte de cima e com opções para moda festa evidenciadas por metalizados e rendados.

ALEXANDRE HERCHCOVITCH

desfile Alexandre Herchcovitch - Verão 2014 - 01 desfile Alexandre Herchcovitch - Verão 2014 - 02 desfile Alexandre Herchcovitch - Verão 2014 - 03 desfile Alexandre Herchcovitch - Verão 2014 - 04

Triste e melancólico, o desfile de Verão 2014 Herchcovitch é uma releitura de sua coleção de Verão 98/99 em que tem como ponto de partida vestidos construídos a partir de uma faixa de 10 cm que são enroladas no corpo da modelo — daí o caimento impecável do sob medida também detectado nesta passarela.

As listras e o preto e branco são confirmados por um dos maiores talentos da moda brasileira. De uma maneira não obvia, até o p&b do zebrado aparece aqui, vezes desconstruído e vezes como resultado de uma manufatura luxuosa, como o vestido em couro preto usado por Daiane Conterato cheio de aplicações.

A assimetria surge em saias e vestidos de barra com alturas diferentes e a referência da jaqueta perfecto. Lindo, lindo os casacos presos às alças dos vestidos de festa. A mulher Herchcovitch deu uma envelhecida, certo?

AMAPÔ

desfile Amapô - Verão 2014 - 02 desfile Amapô - Verão 2014 - 01

Nada muito surpreendente, sereias e piratas foram a inspiração da marca jovem Amapô. As roupas de passarela tornam-se peças essenciais do guarda-roupa de circuito dos grandes festivais de música como Coachela e Lollapalooza.

JULINA JABOUR

desfile Juliana Jabour - Verão 2014 - 01 desfile Juliana Jabour - Verão 2014 - 02

Os combinadinhos em conjuntinhos super acertados do primeiro bloco já indicam o momento amadurecido da marca. Minimalista, as estampas aqui são pequenos detalhes dos looks construídos com modelagem balonê e até o peplum com jeitão alta-costura. Ju Jabour sofisticou.

O styling e maquiagem com quêzinho oriental são sintomas do foco da marca que tem mais de 40 pontos de venda nas principais cidades do Japão.

OSKLEN

desfile Osklen - Verão 2014 - 01 desfile Osklen - Verão 2014 - 02 desfile Osklen - Verão 2014 - 03 desfile Osklen - Verão 2014 - 04

A marca que agrega luxo ao lifestyle do Rio de Janeiro foi buscar inspiração nas pedras preciosas. Os cortes e formas da roupa mostravam referências às lapidações, por exemplo.

O atual momento da moda de minimalismo com sportwear, formas geométricas e conforto combina muito com a Osklen. Por isso, é um pouco chover no molhado, mas os looks com plástico poderiam ter ficado de fora.

SAMUEL CIRNANSCK

desfile Samuel Cirnasck - Verão 2014 - 01 desfile Samuel Cirnasck - Verão 2014 - 02

Flores. Samuel Cirnansck reafirma sua moda festa para poucas com inspiração no ciclo de vida das flores, do desabrochar ao fim. A cartela de cores e as formas também obedecem literalmente ao tipo de planta que é sinônimo de feminilidade.

COLCCI

desfile Colcci - Verão 2014 - 01 desfile Colcci - Verão 2014 - 02 desfile Colcci - Verão 2014 - 03 desfile Colcci - Verão 2014 - 04

Olha a Colcci! Depois de algumas temporadas no limbo da crítica de moda, a marca jovem faz ótima apresentação — também em quesito roupa. Apesar do foco em vendas e refletir as tendências já acertadas, a Colcci consegue um certo twist de autenticidade. Uma ótima alternativa para quem deseja uma certa exclusividade não ofertada por redes de fast-fashion.

Listras, silhueta box, o branco, looks monocromáticos, saias evasê, moda-pijama… Um combo de tendências prontinho para ganhar vida nas ruas.

UMA por RAQUEL DAVIDOWICZ

desfile Uma - Verão 2014 - 01 desfile Uma - Verão 2014 - 02

Lygia Clark é inspiração mor da Uma, que traduziu o trabalho da artista brasileira em uma coleção leve, usável e minimalista, como manda o DNA da marca. As estampas e cabeças das modelos eram uma referência a obra ‘Bichos’ e estarão à venda nas lojas da marca.

TÊCA por HELO ROCHA

desfile Têca - Verão 2014 - 01 desfile Têca - Verão 2014 - 02
Meio resort, meio gipsy, o verão da Têca tem apelo artesanal, das estampas inspiradas em porcelana portuguesa às rendas do Nordeste brasileiro. Os vestidos longos são fluidos e com transparência. Talvez, essa seja a coleção desfila que mais tem cara de verão brasileiro.

R.ROSNER

desfile R.Rosner - Verão 2014 - 01

Rodrigo Rosner fala de melancolia sob a ótica das princesas que vivem em seu universo. Pela predominância do branco e os muitos babados, rendados e cristais, ficou muito parecido com a coleção de Samuel Cirnasck, também é um estilista de noivas e moda festa.

LINO VILLAVENTURA

desfile Lino Villaventura - Verão 2014 - 01 desfile Lino Villaventura - Verão 2014 - 02 desfile Lino Villaventura - Verão 2014 - 03 desfile Lino Villaventura - Verão 2014 - 04 desfile Lino Villaventura - Verão 2014 - 05

Sempre autoral, a moda festa de Lino Villaventura é única. A riqueza em detalhes se mantém em roupas que mais parecem esculturas orgânicas, vivas e teatrais.

Anúncios