CUIDADOS ESTÉTICOS NA GESTAÇÃO: QUAIS SÃO OS LIMITES?

Alessandra Ambrosio by Boo George - 01

Nos últimos anos, muitas restrições caíram por terra quando o assunto é o que a gestante pode e o que não pode fazer durante a gravidez. Contudo, no campo da estética, ainda é difícil distinguir mitos e verdades. Uma das perguntas mais frequentes no consultório está relacionada aos cabelos. Tonalizantes sem amônia estão liberados. Quanto aos demais, cabe verificar junto ao obstetra.

Sobre as unhas, os médicos são objetivos: é possível manter os cuidados usuais, com utilização de esmaltes e acetona sem quaisquer danos para o bebê. “No entanto, é imprescindível verificar a rotina de esterilização dos equipamentos no salão, dando preferência ao material descartável ou ao uso de material próprio. E isso vale para todo mundo”, pontua-se. A depilação a cera também está liberada, guardados os cuidados higiênicos. Laser apenas após o parto.

NA LINHA DO IMPEDIMENTO

Alguns rituais de beleza adotados por muitas brasileiras devem esperar não só o parto, como também o fim do aleitamento. Alisamentos, as chamadas escovas progressivas e a descoloração de pelos estão suspensos. Esses procedimentos não foram suficientemente estudados, ou seja, não conhecemos riscos e efeitos sobre o bebê.

Alessandra Ambrosio by Boo George - 04

Tatuagens e piercings também devem aguardar. Isso porque oferecem risco de infecção e a imunidade da gestante está naturalmente reduzida. Quem já tem piercing deve manter cuidados de higiene apurados.

ESPELHO, ESPELHO MEU

Antes de escolher cosméticos é sempre bom consultar um dermatologista, pois o período gestacional costuma provocar mudanças na pele. A limpeza de pele é permitida, pois é de grande utilidade para aquelas que apresentam acne na gravidez, mas é preciso cuidado, pois a pele estará mais sensível e propensa à formação de manchas. A esteticista poderá remover cravinhos, mas evitar grandes esfoliações e aplicações de peelings ou de produtos muito gordurosos.

Por falar em peeling, apenas procedimentos suaves podem ser feitos, desde que isentos de derivados da vitamina A, como o ácido retinoico. Tratamentos estéticos a laser poderão ser iniciados ainda no período de amamentação.

A drenagem linfática está autorizada após o final do primeiro trimestre de gestação — salvo recomendação do obstetra — e deve ser conduzida por profissional habilitado no manejo de gestantes. Quanto aos tratamentos para celulite, devem ser deixados para mais tarde, pois provocam desconforto. No caso das estrias, no último trimestre gestacional já podem ser utilizados alguns tratamentos, desde que sob supervisão médica. A principal dica é evitar o ganho excessivo de peso.

NA NÉCESSAIRE

Como a acne pode se manifestar na gestação, podem ser prescritos sabonetes para controle da oleosidade e produtos com propriedades anti-inflamatórias e para a redução dos cravinhos. Deve-se observar também o uso de filtros solares e maquiagem oil free, para que não ocorra a piora da condição.

Imagens©Reprodução

Curta o BLOGAZINE no Facebook para que possamos ser amigos e siga-nos no Twitter @Blogazine_ para conversarmos

Anúncios